Gustavo Salyer

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Rioband.jpg Coé, merhmão, eshte arhtchigo eh CARIOCA!

Não vandalize, senão a chapa vai ficarh quentche, cara. Agora deixa eu irh na praia pegarh um bronze nesse sol de 50 graush, comendo unsh bishcoitosh.

Gustavo Costa de Moraes
Gustavo salyer.jpg
Gustavo Salyer querendo estusiasmar o público de braços cruzados
Nascimento 15 de fevereiro de 1976
Rio de Janeiro, Bandeira do Brasil Brasil
Ocupação Modelo, ator, stripper e gigolô
Altura 1,90 m.
Olhos Escuros
Cabelo Moreno

Cquote1.png Esse daí aprendeu comigo! Cquote2.png
Marcelo Ribeiro sobre Gustavo Salyer

Gustavo "Salyer" Moraes é mais uma subcelebridade de ocupação irrelevante que infestou a televisão brasileira. Atualmente, está sumido da imprensa, e todos estão cagando e andando para tal fato.

Ficou razoavelmente conhecido por ter sido um dos paquitos do extinto Xou da Xuxa, o que rendeu a ele um convite para ser capa da G Magazine e iniciou sua carreira de suposto modelo. Também já fez alguns trabalhos medíocres como ator, interpretando figurantes diversos em novelas.

Início de vida[editar]

Natural do Rio de Janeiro, Salyer foi uma criança um tanto quanto suspeita, pois adorava o programa da Xuxa. Não que isso seja estranho, já que ela realmente apresentava somente atrações voltadas ao público infantil, mas o garoto ficava dançando enlouquecidamente na frente da televisão enquanto tentava imitar as coreografias toscas e mal ensaiadas das paquitas.

Na escola, enquanto os demais meninos de sua idade ficavam jogando futebol ou tentando espiar as calcinhas das meninas, ele preferia brincar com sua boneca da Xuxa.

Quando enfim cresceu e virou adolescente, decidiu ir atrás do sonho de conhecer a rainha dos baixinhos.

Início de carreira[editar]

Gustavo Salyer fazendo porra nenhuma.

Por ser bonito e ter um tipo físico do agrado das gurias retardadas, Salyer foi logo chamado pela Globo para ser paquito, embora não tenha participado da formação original do grupo. Em outras palavras, ele foi contratado apenas para encher linguiça e tapar buraco.

A exemplo da ex colega Luciana Vendramini, Salyer aceitou a proposta de posar nu e saiu na capa da extinta revista G, com uma chamada apelativa que escancarava que ele trabalhava na Xuxa. Como o ensaio fotográfico não havia sido aprovado por Marlene Mattos, até por ela ser lésbica e não gostar de ver homem pelado, ele foi hipocritamente demitido com a desculpa que sua nudez seria um péssimo exemplo às crianças, mesmo com a própria Xuxa tendo atuado em pornochanchada no início da carreira.

Após a demissão, Salyer pensou até em virar ator pornô, mas achou melhor algo menos hardcore e arrumou emprego de stripper apenas.

Programas[editar]

Em 2004, após muitas noites em claro acampado em frente ao Projac, Salyer conseguiu ser aceito de volta na Globo, e pasme, mas atuando em uma novela das 8. Ganhou um papel que nem ele próprio lembra qual foi em Senhora do Destino, que apesar de ter sido uma merda, foi o suficiente para chamar atenção da Record e mudar de emissora, onde atuou em Prova de Amor.

Em 2012, após passar um bom tempo afastado da mídia, foi novamente contratado pela Record, mas desta vez para ser um dos peões de A Fazenda 5. Mesmo sendo um dos maiores galãs naquela edição do reality show, ele não agradou o público e foi logo o segundo eliminado. Como prêmio de consolação, pelo menos pegou a gostosa da Nicole Bahls.

Atualmente[editar]

Novamente sumido da imprensa, Salyer atualmente mora nos Estados Unidos, onde diz que abriu uma academia. Mas os fofoqueiros de plantão já descobriram que na verdade ele virou amante de uma mulher casada que é a responsável por sustentá-lo. Ou seja, é um gigolô.