Ramsés I

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Horus.jpg

Este artigo é egípcio! Ele foi escrito num pergaminho sagrado e seu escriba é um sacerdote mumificado.

Não profane este artigo, ou a maldição do Faraó irá cair sobre você!


Ramsés I também conhecido como Paramessu, foi um faraó aleatório no Egito, foi o primeiro dos muitos Ramsés que estão mumificados por aí.

Biografia[editar]

Ramsés I e seu corte tigelinha.

Apesar de não ter nascido em berço de ouro, Ramsés I era um grande militar, e sabe como é, naquela época para alcançar o sucesso bastava nascer em berço de ouro ou então ser militar, e foi assim por bastante tempo até a democracia virar moda. Era chefe dos arqueiros e depois foi subindo na hierarquia da vida e se tornou cachorrinho do faraó que estava no governo na época. Ele também foi sacerdote adorador do demônio em um templo aleatório do Egito.

Já que o faraó Horemheb era um velho brocha que não podia ter filhos, não tinha ninguém para ocupar o cargo dele após sua morte, quem teve de aguentar o tranco foi Ramsés I, e assim, ele iniciou uma dinastia inteiramente nova independente dos faraós anteriores que estavam governando aquela bosta. A origem da dinastia é bem confusa, sendo que alguns dizem que ela era de Tebas e outros de Menfis, apesar de que a capital do Egito na época era Tebas.

Depois que morreu Ramesés I virou uma múmia e começou a assombrar catacumbas e fazer desenhos misteriosos em pirâmides, como toda múmia. Quem ficou no governo do Egito depois de sua morte foi seu filho.

Ver também[editar]

Precedido por
Horemheb
Dewefjkwe.jpg
Faraó

1292AC - 1290AC
Sucedido por
Seti I